Sobre

A Semana Nacional de Educação Financeira (Semana ENEF) é uma iniciativa do Comitê Nacional de Educação Financeira (CONEF) para promover ações de educação financeira no país.

A quinta edição ocorrerá de 14 a 20 de maio de 2018. Você tem acesso às informações dos eventos na Agenda, repletas de ações gratuitas oferecidas pelos membros do Comitê e seus parceiros.

Se você tem interesse em organizar atividades durante a Semana, observe os critérios e cadastre suas ações no link Faça Parte. É de total interesse do CONEF que muitos se juntem a esse esforço de promoção da educação financeira.

Na última edição da Semana Enef, ocorreram mais de 3.600 ações.

Sobre Educação Financeira

A educação financeira tem como objetivo conscientizar o indivíduo sobre a importância do planejamento financeiro, para que desenvolva uma relação equilibrada com o dinheiro e decisões acertadas sobre finanças e consumo.

Quando o cidadão entende os fatores que influenciam suas escolhas financeiras, consegue equilibrar seus desejos imediatos com suas necessidades de longo prazo. Um dos efeitos disso é o aumento do hábito de poupar, outro importante pilar da educação financeira. E todos saem ganhando, já que cidadão financeiramente educado contribui para o bem-estar coletivo, seja porque essa qualificação resulta em um sistema financeiro mais sólido e eficiente, seja porque cada pessoa tem melhores condições para lidar com emergências e momentos difíceis da vida.

Conheça mais sobre a Estratégia Nacional de Educação Financeira em seu sítio oficial: www.vidaedinheiro.gov.br. Lá você encontrará também diversas ferramentas e matérias gratuitos, além de links para os sítios de todos os membros do CONEF.

Organizadores

A ENEF é uma iniciativa pública que reconhece a educação financeira e previdenciária como ferramenta de inclusão social, de melhoria da vida do cidadão e de promoção da estabilidade, concorrência e eficiência do sistema financeiro do país. Integrando também entidades privadas, por reconhecer que o desafio é de todos, a ENEF é coordenada pelo Comitê Nacional de Educação Financeira, formado pelos seguintes órgãos e entidades públicas e representantes da sociedade civil: